Notícias da indústria

França: exportações de calçados em alta

visualizações : 277
tempo de atualização : 2022-06-01 09:22:05
Em 2021, a França exportou 119,5 milhões de pares, gerando 4,0 bilhões de euros, o que reflete um aumento de 15%, em relação ao ano anterior, 2020, quando o comércio foi impactado pelo surto da pandemia de COVID-19. Já as importações de calçados aumentaram 12%, totalizando 6,7 bilhões de euros.
 
 
O setor continua a sofrer um défice comercial, mas, segundo o CNC, está a evoluir positivamente (as exportações cobriram 59% das importações). A entidade afirmou ainda que, no ano passado, a França foi o 10º maior exportador mundial de calçados, com 1,9% de participação nas exportações globais, e o 3º maior importador, com 6,4% das importações.
 
 
Os países europeus são os principais destinos das exportações francesas de calçados, representando 92% do total. Em 2021, a Espanha ficou em primeiro lugar, comprando 22,8 milhões de pares, seguida pela Itália (18,2 milhões), Alemanha (15,6 milhões) e Polônia (11,7 milhões).
 
 
Couro
No ano passado, as exportações totais de couro francês aumentaram 23%, gerando 14,7 bilhões de euros, e as importações cresceram 14%, totalizando 11,0 bilhões de euros. O país representou 5,9% das exportações globais de artigos de couro, que aumentaram 11%, em base comparável a 2019 (antes da ocorrência da pandemia de COVID-19).
 
 
Os artigos de couro representaram 68% das exportações, calçados por 27%, matérias-primas por 3% e luvas e vestuário por 2%.
 
 
A CNC salientou que a China se tornou o principal mercado de exportação da indústria do couro (+36%, face ao ano anterior), tendo adquirido 2,25 mil milhões de euros em artigos de couro. O desempenho nos EUA também se destacou, com um crescimento de 37% em relação ao ano anterior, gerando 1,42 bilhão de euros. Na Europa, o setor está a recuperar lentamente, com um aumento de 9% face a 2020. Espanha (+26%), Itália (+18%) e Alemanha (+7%) assumiram a liderança.
 
 
indústria de calçados da França
Em 2020, a França foi o 3º maior importador de calçado e o 7º maior exportador mundial, em termos de valor. De acordo com o World Footwear 2021 Yearbook (mais informações disponíveis AQUI), as exportações francesas, que vinham crescendo lentamente desde 2018, diminuíram i
Relacionado Notícias
Indústria calçadista mexicana pode não se recuperar até 2024
Indústria calçadista mexicana pode não se recuperar até 2024
Jul .28.2022
Indústria calçadista mexicana pode não se recuperar até 2024
Itália: ser bom apenas na produção não é mais suficiente
Itália: ser bom apenas na produção não é mais suficiente
Jul .27.2022
Itália: ser bom apenas na produção não é mais suficiente
Sustentabilidade por Catarina Midby: temos que mudar agora 27 de julho de 2022 Suécia
Sustentabilidade por Catarina Midby: temos que mudar agora 27 de julho de 2022 Suécia
Jul .27.2022
Sustentabilidade por Catarina Midby: temos que mudar agora 27 de julho de 2022 Suécia
O real significado de 'Barbiecore': como a moda está redefinindo o feminismo em Hot Pink
O real significado de 'Barbiecore': como a moda está redefinindo o feminismo em Hot Pink
Jul .26.2022
O real significado de 'Barbiecore': como a moda está redefinindo o feminismo em Hot Pink